A instalação e atualização de softwares ajudam na modernização de processos de produção, seja em vídeo, áudio, gráficos e multimídia em geral.  No entanto, muitas vezes o que era para melhorar e agilizar processos se tornam verdadeiros entraves, causando atrasos e incovenientes bastante indesejáveis. É o caso da mudança nos formatos dos arquivos gerados por determinados programas.
             Para citar um desses grandes problemas é a utilização de versões recentes do Corel Draw. Apesar do arquivo possuir a terminação .CDR, o arquivo é completamente incompatível com versões anteriores.
             O que acontece é que normalmente algumas produções são colaborativas, ou seja, os arqquivos saem de um fornecedor para outro, de quem desenhou para quem vai imprimir por exemplo. O resultado é que o dito cujo acaba não abrindo no destino, e não adianta mandar que se vire pra resolver, o prejuízo já aconteceu e o cliente pode acabar sendo prejudicado por causa da "onda de modernidade".
             A dica é que se voce for compartilhar, confira a versão do programa que o destinatário possui, e se não há tempo, então salve com "versão anterior", ou uma versão que já esteja a pelo menos 1 ano no mercado.
             É bom lembrar que para empresas, atualizar o programa custa, é pago, sem contar o transtorno de mecher com instalação e arriscar a estabilidade da máquina.
 
 
Italo Valerio